domingo, 16 de setembro de 2012

Instinto...


De entregar-me como tua fêmea

É o que manda meu instinto de presa

Entregue ao seu Macho; seu Dono...

Acasalar-me com você no

Verão e na Primavera

me aquecer no frio do Inverno

meu desejo por ti é enorme

Estou sempre à tua espera

amar você até no inferno...

sentir você me possuindo,

Por trás ou pela frente

em pé, na parede ou

Deitados na cama ou chão,

todas as loucuras passam em minha mente

quando penso em você nu...

A me fazer sua Fêmea

Possuindo-me de todas as formas

Compreensíveis ou não,

Acender a chama da excitação

Que flui de dentro de mim

Meu instinto é de ser sua...
 

~Shirley Thelles~

Um comentário:

Amor A Base De tudo disse...

Delícia de amor onde um completa o outro, a saudade só fez aumentar ainda mais essa paixão, essa necessidade um do outro.