quarta-feira, 19 de outubro de 2011

VIGIANDO A VIZINHA RUIVA E SAFADA



























Bem pessoal esse conto tem algumas coisas fictícias e outras verídicas, mais espero que gostem. O que vou narrar pra vocês é uma estória que está em jogo meu irmão Sidney, Eu e uma pessoa muito especial. (Ayeska).

Tudo começou quando meu irmão veio passar suas férias aqui em casa, depois do descobrimento dele com a famí¬lia, e do nosso envolvimento com nosso tio, ele foi embora pra capital, no inicio do mês passado ele veio passar suas férias aqui conosco, e foi justamente no dia em que estava de mudança uma famí¬lia, na qual tinha uma moça muito bonita, ela era branca, olhos castanho claros e cabelos ruivos até a altura da cintura. Era um dia de sábado pela tarde, eu estava sozinho, minha mãe e irmã tinham ido fazer a fera, e eu esperava o Sid,quando ele chegou,abri a porta pra ele, nos beijamos pra matar a saudades, chupei ele e o fiz gozar, depois ele foi tomar banho, e eu de vez enquanto olhava pela janela de nosso apartamento quando ele saiu,chegou por trás de mim, perguntando o que eu observava, e eu mostrei pra ele, o pessoal da casa da rua de trás, o quintal dava para a vista de nossa janela.


Tinha um belo rapaz alto forte, peito peludo e tatuagens em algumas partes do corpo, ele era um belo rapaz, meu irmão olhou pra o cara e ficou com ciúmes, dizendo que preferia mil vezes ele próprio a o outro cara, eu comecei a rir, me virei de costas pra janela e comecei a beijá-lo, só que ele estava de olho aberto tentando ver algo mais dos vizinhos, foi aí¬ que apareceu a moça ruiva, ela usava um mine short jeans e uma blusinha regata rosa, e estava com o cabelo feito um rabo de cavalo, estava trazendo um vazo de flores, e o rapaz havia entrado em casa,quando eu percebi que meu irmão não estava mais me beijando com grande volúpia perguntei pra ele o que estava acontecendo aí¬ ele me mandou olhar pra trás,quando olhei,vi o cara e a moça num grande roça-roça, ela “TENTAVA FUGIR” mais o cara como era forte não deixava,apertava-a contra seu corpo até que conseguiu subir um pouco da blusa dela, e começou a chupar um dos mamilos, que já estavam eriçados, meu irmão logo ficou excitado (QUERO QUE SAIBAM, ELE É BISSEXUAL) fiquei um pouco chateado com ele e comecei a bater nele,e ele rindo,dizendo que era excitante e coisa e tal, aí¬ acabamos saindo de frente da janela, pois começamos um sexo oral que só acabou quando ambos haviam gozado. Nossa mãe e irmã chegaram e foi àquela alegria, parecia uma coisa, sempre que o Sid estava em casa eu me sentia um pouco rejeitado de fora, e minha irmã sabe como me fazer ficar assim, muito bem, chegou à noite e nós saí¬mos fomos pra o shopping depois saí¬mos pra um barzinho,e quando menos espero,vejo os vizinhos chegando, a moça ruiva, o rapaz tatuado, e um casal, percebi que era pai de algum deles, e uma menina de uns 14 anos, a ruiva (VOU CHAMÁ-LA DE AYESKA RISOS) bem Ayeska estava com um vestido fino com estampa floral, branca com flores azuis, uma linda sandália rasteira, e o rapaz usava uma bermuda e chinelo estava com uma camiseta regata preta, pude ver melhor ele e vi o quanto ele realmente era bonito, eu claro só tinha olhos pra o rapaz já o meu irmão pra ela (AYESKA), em algum dado momento me levantei e fui ao banheiro o barzinho estava cheio demais e tinha muita gente mesmo, quase não consegui chegar onde queria ir. Até que ao entrar no banheiro eu vi o gato lá mijando no mictório, eu fui logicamente pra perto dele, e fiz o mesmo pus meu pau pra fora e comecei a mijar,ele segurava o pau e fazia pequenos movimentos de vai e vem,onde o xixi saia respingado e seu pau começava a fica meio bomba,eu sabia que daquele mato não saia nem coelho muito menos outro tipo de animal,mais só de está ali olhando disfarçadamente já me deixava feliz (RISOS).O cara terminou de mijar,deu aquela ótima balançada e colocou o pau dentro da bermuda,foi que eu vim perceber que ele não usava cueca,fiquei mais excitado ainda,depois que ele saiu fiquei um tempo lá dentro,depois sai,e contei pra meu irmão,ele falou pra eu tomar cuidado, o cara poderia depois vir tomar satisfações comigo e eu poderia até me arrepender,então fomos embora.

Quando foi na manhã do dia seguinte acordo com meu irmão me dando um beijo, acordo meio atordoado e pergunto por nossa mãe e irmã, aí¬ ele fala que elas foram pra missa. E disse:


















Você nem imagina o que eu acabei de ver no quintal dos vizinhos novos, aí¬ eu perguntei o que era aí¬ ele disse que viu o cara fodendo a ruiva em cima da pia, corri pra ver, não por ela é claro, mais pelo cara,quando cheguei lá o portão do quintal estava fechado e não tinha mais ninguém,fiquei dizendo que era mentira dele e coisa e tal, até que ele disse que assim que aparecessem novamente ele iria me mostrar, e foi dito e feito,só que isso só aconteceu um pouco mais tarde,depois que minha prima e seu marido chamaram elas pra irem pra um sitio que eles tem,eu como sempre disse que não iria,o Sidney falou o mesmo,então estando apenas ele e eu em casa poderí¬amos transar até nossos corpos não agüentarem mais que já se passava de umas 11:30 eu escuto um som vindo do quintal dos vizinhos,o Sidney estava dormindo,Nós dois tí¬nhamos acabado de trepar e ele tinha adormecido,quando olhei vi a ruiva(AYESKA) completamente nua,tomando banho em um chuveiro que tem no quintal, ouvi ela cantando uma musica parecia está muito feliz e quando menos espero o portão se abre e quem vejo  o rapaz,ela se cobre com as mãos tentando cobrir-se ele estava de sunga e o volume era bem visí¬vel,e foi logo agarrando ela e ela pedindo pra ele parar porque os pais poderia chegar e tal,ele empurra ela na parede,até que ela se cansa de lutar e é vencida pelo seu próprio cansaço, e cai sobre o chão molhado,ele então para em sua frente e coloca o pênis completamente rí¬gido pra fora da sunga em sua frente e faz com que ela chupe,segurando-a pelos cabelos molhados em desalinho e eu vendo tudo aquilo não sei por qual motivo mais me percebi excitado,fiquei vendo eles dois naquele maravilhoso sexo oral,até que em um impulso forte ele levanta-a pelo cabelos fazendo ela ficar em pé e nisso ele vai descendo lambendo e mordendo o corpo dela de leve,nisso eu estava ficando completamente arrepiado como se eu estivesse sentindo as caricias,e ele para exatamente em sua bucetinha lisinha e rosada, e vejo Como ele Faz aquilo com grande prazer, depois ela coloca uma de suas pernas no ombro dele e num pequeno espasmo de tempo vejo ela se contorcer, e goza abundante nele, eu nunca vi uma mulher gozar, pelo menos nunca tinha visto até aquele momento, depois disso, ela cai no chão, exausta e fica sentada e ele masturba-se em pé em sua frente, até gozar também e melar todo o rosto dela depois se beijam e tomam banho e entram em casa, depois de eu ver essa cena, corri pra o quarto e contei tudo pra meu irmão que fica muito zangado por não ter o chamado pra assistir também.



#Direitos autorais reservados. Proibidas sua reprodução, total ou parcial, bem como sua cessão a terceiros, exceto com autorização formal do autor. Lei 5988 de 1973#



Ass.: ™Boy Safadinho





Nota  : 

-Recebi há dias atrás esse Mimo do meu Miguxo BoySafadinho.
Já tinha postado sobre essa Vizinha Ruiva e Safada, aqui no Blog... rsrs
Mas, a ruivinha tem hora que é parva! rsrs
E anteontem, colocando a conversa em dia e matando as saudades; ele me disse que esse não era aquele conto. 
Após pagar o maior Mico...kkk
Eis ele aqui...

- Miguxo, obrigada pelo carinho, obrigada pelo Banner (precisa me ensinar como postar para colocar os banners dos amigos e amigas!), obrigada pela Homenagem do Niver da sua Miguxa! Amei tudo e apesar de as vezes nossos compromissos de trabalho, nos distanciar um pouco...
Te adoro de Montão, sou sua fã, admiradora e amiga sempre!

Beijos doces carinhosos e um abraço enroscado da sua miguxa...


Ayesk@

Nenhum comentário: