segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Série: Mistérios de Darukian - X

X


Em meio ao devaneio, tudo é ouro




Os relatos estão tornando-se cada vez mais exóticos. Diria que esse tem um toque de bizarro.

"La-lala. Morena, corpo mediano. Desejo. Devaneio. Exagero. Exaustão. Poço." 

Bem, só acreditei no "poço" depois que comecei a ler. 

"Ela havia caído em um poço, não sabia como, quando, onde. Estava lá há sete horas. Desistiu de pedir ajuda, estava cansada, com fome e sabia que a região era inóspita. Seus pensamentos não desistiam, mesmo assim. Sem saber se era verdade ou devaneio, apareceu-lhe a salvação (ou perdição) vinda das sombras

























Ele apareceu de frente a ela e a assustou um pouco. Primeiro viu algo como uma névoa se adensando, depois começou a tomar forma. Ela achou que era a morte, apesar de nunca ter ouvido falar que a morte era um homem bonito com cabelos compridos levemente grisalhos, olhos brancos e pele pálida. Mas ele segurava uma foice grande e curva, então deveria ser a morte.



- Olá, lá-lálálá... – ecoou uma voz rouca e sombria, porém sedutora aos seus ouvidos.

- Você...é a morte? – perguntou a garota.
- Só na frança... lá sou “La petit mort”. Aqui, sou apenas um ceifador que atende desejos em troca de orgasmos. 
- Eu...desejo sair daqui o mais rápido possível!
A criatura ficou observando-a por alguns instantes a garota que mal conseguia falar.

A garota respondeu afirmativamente. Ele cobrou o pagamento encostado no lado de fora poço. A garota estava muito fraca e começou a delirar. Chamou-o de príncipe, pediu para ser devorada, implorou. Darukian não nega os desejos, mas cobra um pagamento equivalente. A cliente precisa saber se pode suportar as consequências antes de pedir.


Uma hora depois um grupo de passantes encontrou uma garota morta de exaustão, que teve a vida devorada pela própria luxúria e seus sete últimos orgasmos devidamente ceifados pela foice de Darukian.”

Em conclusão, há coisas bizarramente sombrias entre os mistérios de Darukian. Ele poderia ter quebrado seu protocolo e salvado a vida dela? Ela poderia ter resistido e sido salva com vida pelos passantes? Sim, e sim...mas agora a única questão é se ela foi para o paraíso ou se sua única luz foram seus sete últimos orgasmos.




























Darukian, O Ceifador de Orgasmos

P.S.: Esse foi o relato mais bizarro que tivemos até agora. Mas não é nada comparado ao que os japoneses podem fazer. Segundo a deusa, essa personagem lembrou a Sadako. Se um japonês lesse esse relato e fizesse a ligação, aí sim a coisa se tornaria bizarra, por que ele faria a garota que morreu acordar como zumbi ou qualquer coisa do tipo, estuprar e matar todo o grupo de passantes. Isso seria o "básico". O avançado nem consigo imaginar. Enfim, espero que tenham gostado, não acho que deu pra ter gozado, mas... é isso. 


http://oladoinversodasletras.blogspot.com



Escrito por Darukian, O Ceifador de Orgasmos
Postado por Ayesk@

Nenhum comentário: