sábado, 11 de junho de 2011

Um Oceano de Desejos






Daqui de onde estou, sonhando com teu corpo, teu cheiro e teu calor
Minha mente se contorce no desejo de te ter.
Minha pele sempre quente, não vê a hora de te pertencer.

Entre nós, o oceano, saudades do que nunca provei
E diante do desconhecido, me entrego como nunca me dei.

Busco um orgasmo solitário, vontade contida de gozar com você,
Te conto cada detalhe, apenas pra te enlouquecer.

As noites tão longe ti, são vazias e sem emoção
Entre minha pernas desejo teu membro
pois já é teu meu coração.

A lua já tão sem sentido, mas é a única visão noturna que podemos partilhar
Sofro, imploro por tua presença, já não sei mais como te encontrar.

Hoje, dia de festa, a tristeza me invade por fim
Tão longe, e sempre tão perto...
Te trago bem dentro mim.

Um dia te sentirei da maneira que meus anseios vive a sonhar
E quando teu sexo entrar fundo no meu
Deixarei de apenas te desejar.



Erótica. Plus - Inspirado em Flor Clandestina

Um comentário:

Swingers Veronika e Cláudio disse...

Uma deliciosa ode ao desejo...
Beijos, minha linda!!!