domingo, 5 de dezembro de 2010

INSONIA

A água mais uma vez cai sobre meu corpo , desejo... sinto suas mãos descendo por meus braços e envolvendo minha cintura enquanto sua respiração se aproxima de minha nuca e seus lábios tocam o meu pescoço .

Meus lábios anseiam pelos seus enquanto minhas mãos percorrem meu corpo , pelos caminhos que desejava as suas , pele arrepiada , calafrios … os seios doem os bicos rijos , contorno suavemente com as mãos cheias de espuma imaginando sua língua , belisco … uma mordida sua... já escorro de desejo … contraio as pernas uma mão desce pela barriga até encontrar o meu sexo enquanto a outra aperta meu seio esquerda , os dedos passeiam por toda ela adentrando os grandes lábios , minha mente viaja … quero você !

Meu grelinho vibra , o aperto entre os dedos , a outra mão não para passeia por todo meu corpo , gemidos já escapam de minha boca , ela sobe da minha bunda pela barriga , seio , pescoço aperto firme meus próprios cabelos na nuca enquando meus dedos seguem em movimentos cadenciados em minha buceta encolho adentrando um dedo dentro do meu corpo enquanto o outro pressiona meu grelinho sentindo minha buceta vibrar e apertar meu dedo enquanto o mel escorre de dentro de mim … o prazer... prazer solitário … breve prazer.... que não aplaca minha sede mas acalma o meu corpo e mente .

O fogo não cessa , sempre parece maior depois , respiro fundo e termino o meu banho tentando pensar em outra coisa , tentando não pensar em nada , minha pele ainda arrepia ao meu toque , meu corpo precisa de você , só você pode aplacar esta sede …

Continuo na briga com meus pensamentos , passo meu hidratante , penteio os cabelos a lingerie preta transparente fazendo par com a pequena camisola de alcinhas também transparente , escolhida como se você fosse sair de meus sonhos e ocupar a minha cama , tento dormir , rolo na cama resolvo apelar para o remédio contra insônia para ver se durmo , indicação médica meio comprimido dia sim , dia não , tomo dois... preciso dormir já não consigo trabalhar direito aos poucos a cabeça começa a rodar e sua imagem vai ficando embaçada o corpo amolece e consigo começar a dormir … sinto sua respiração em meu pescoço enquanto seu corpo cola no meu , beijos... meu corpo todo se acende suas mãos fortes me viram para você , não é dito uma palavra ,nos beijamos enquanto nossos corpos se enroscam e nossas mãos nos procuram já sinto seu membro duro roçando entre minhas pernas giro meu corpo sobre o seu e o aperto sentindo toda a rigidez em minhas mãos , observo as veias estufadas , o cogumelo estufado arroxeado já expelindo gotas de sua excitação enquanto aproximo meu rosto , não resisto lambo ouvindo um breve gemido seu e já vou aos poucos o engolindo o sugando forte e devagar , o deixo entrar e sair da minha boca devagar percorrendo a língua , retiro da boca lambo olhando para você , desço até suas bolas e sugo uma a uma .. volto a subir com a língua pelo cabo , contorno a cabeça você me observa com uma mão retirando os cabelos que por ventura tampariam sua visão , volto a engolir movimentos cada vez mais rápidos seus quadris já se arremetem fodendo minha boca ..

- Vira também quero sentir você! Já fala puxando minhas pernas me ajeito em cima de você sem te tirar da boca .- Que delícia já esta toda meladinha ! Diz afastando minha calcinha e enfiando sua língua fazendo meu corpo tremer e levantar um pouco involuntariamente , continuamos em um 69 frenético gemidos abafados por corpos já suados , rebolo em sua cara que por sua vez arremete os quadris em minha boca , gozo em sua boca e já te sinto explodir dentro da minha você me suga forte apertando minha bunda eu tento engolir tudo , um pouco escorre é muita porra , não diminuo o ritmo continuo te chupando você geme mais forte ..- Vai gata ...assim...uuuuu... delícia ...não para vai … senta ! Senta quero sentir você! Arrasto meu corpo sobre o seu e me encaixo em você , sento de uma vez , devagar sentindo seu mastro abrindo minhas carnes … dor... prazer … meu sexo vibra em torno do seu ...desço até sentir suas bolas e me assentar inteira em seu colo , gemo … meu pescoço cai para trás rebolo te acomodando melhor dentro de mim seus gemidos roucos me dão mais prazer , suas mãos apertam minha bunda , rebolo … movimentos circulares com o quadril … subo até você quase sair de mim , você me firma três estocadas firmes ...grito... você prende meu cabelo firme em uma mão e se ergue mordendo minhas costas.. beijos no pescoço … nos beijamos enquanto vou aumentando a velocidade subindo e descendo , você deita de novo estou cada vez mais rápido .. corpos suados … gemidos... palavras sem nexo .. minha cabeça gira ...sempre que vou gozar você segura meus quadris ...minha buceta se contraí ainda mais em você .. masco seu pau e me esfrego em você que me sorri mordendo os lábios … meu corpo não suporta mais , preciso gozar … meu corpo escorre de súor … nada mais é dito apenas gemidos volto a subir e descer você me puxa pelos cabelos e me deita na cama vindo para cima de mim , minhas mãos percorrem seu corpo suado , limpo sua testa com a mão afastando uma mecha de seus cabelos castanhos você sorri e me beija , minhas pernas se entrelaçam em sua cintura enquanto você me penetra estocadas vigorosas … jogo meu corpo de encontro ao seu .. gemidos sufocados entre beijos ...corpos colados sinto seu pau crescer e pulsar ainda mais dentro de mim , o gemido rouco enquanto me contorço gozando em baixo de você … os jatos de porra... já não te sinto mais! Acordo suada … a cama revirada … sozinha! Dou um soco na cama , sento ...deixo o corpo cair me escondo debaixo dos travesseiros … sei que não vou conseguir dormir de novo … respiro fundo … outro banho , gelado! Leitura , sorte ter bons livros em casa , mais uma noite sem dormir a espera do meu “homem invisivel”


Escrito por Alicinhabh

Nenhum comentário: