terça-feira, 15 de junho de 2010

Homem


Não sou poetisa, mas hoje  "Dia dos Namorados".

Uma Homenagem a todos os Casais; independente de seus sexos.

Logicamente, meu lado mais forte (Heterossexual) dedica esses pensamentos aos Homens...espero que gostem!




Voce, Homem viril, Macho...

Venha : me excita, me faz vulnerável.

Desperta o meu desejo, minha libido, num beijo insaciável.

Voce Homem sensual, tua sensualidade me fascina,

Voce Homem sexy, me toque, me provoca.

Ah! esse roçar dos seus lábios viris, sedentos,

Incendeiam meu corpo.

Enlouquece meus sentidos,

Me faz delirar.

Quero ser tua escrava, tua parceira, tua fêmea

E me perder nesse êxtase, nesse tesão

Aplacar a minha fome, minha sede

degustando seu néctar vindo do seu membro viril

Quero ser tua amante, tua cortesã

Sentir-me deliciosa, sensual,

Insana e desejada,

Meu sexo molhado de tesão, o cheiro de sexo febril, selvagem.

Tomando conta do meu corpo, dos meus sentidos.

Os apelos do meu corpo,

Atendendo aos teus caprichos.

Provocando teu desejo,

Até mergulhar no êxtase

De me sentir Tua Insaciável fêmea.

Quero tocar sua pele, sentir seu gosto

e com gemidos de tesão

efervecer tua alma,

sentir o pulsar e a rigidez do seu membro

acendendo novos desejos.

Deixe-me saborear você com beijos

em leves toques,

acariciar seus lábios com os meus, mordisca-los, suga-los.

E despertar em você...

sentimentos e prazeres adormecidos e esquecidos.

Deixe-me olhar dentro dos seus olhos,

sentir seu corpo suado, viril

Deixe-me ser o que voce quer

E você será o que quero

a cada gemido, a cada toque, a cada lambida, a cada mordida...

Meu nome é Mulher! Sou Fêmea...Sou sexo, sou prazer!

Venho essa noite apenas para tirar

teus pés do chão

Tire tuas roupas,

E deixe tudo acontecer...

Meu corpo quer teu corpo

Com tanta avidez

Que só de pensar em seu gozo e no meu

Estremeço, deliro, enlouqueço de vez...

Meus lábios se abrem para sua boca, seu corpo, seu membro ereto.

São lambidas, mordidas; ora suaves, ora vorazes

Sua boca que suga e devora a minha.

Sua lingua em meus mamilos, meu sexo, meu corpo; mordisca , chupa, me leva a loucura!

Meus seios alvos com bicos túrgidos se esfregam no teu peito

Me enrosco, me encosto, me aperto, me deito, me esfrego

Te desejo, te quero, te puxo, te sinto, te cheiro, te devoro...

Seu membro viril, ereto, faminto, fogoso...

Encontra enfim,

meu sexo molhado, apertado, quente, macio.

Louca, excitada, quero sentir teu sexo esfregando meu botão

pequeno, que incha de excitação

Meu sexo, minha vulva; contrai, estremece, querendo seu membro dentro de mim,

do meu corpo...da minha gruta molhada por voce!

Quero faze-lo gozar, suar, gemer, contrair-se em movimentos

ora lentos e ora rápidos.

Deixe-me cavalga-lo, sentir seu membro bem fundo

Deixe-me movimentar-me sobre seu corpo forte,

Quero senti-lo profundamente, enquanto meu sexo, se fecha em volta do seu membro.

O meu prazer é o seu prazer.

Quero senti-lo em cada cavalgada,

Pulsando, vibrando, gritando de prazer

Em movimentos incontidos, na mais completa luxúria,

Aperta meus quadris e no mesmo ritmo meu, estoca meu copo com penetrações fortes, profundas.

Num encontro de sexo contra sexo, pele com pele...

Ao virar-me, me deito lânguida, febril

E seu corpo forte cobre o meu: macio, pequeno, feminino

Morderei seus ombros como uma fêmea selvagem, arranharei suas costas,

E com as pernas em volta dos seus quadris, meus pés macios e delicados

Farão pressão em suas nádegas forte, trazendo-o mais fundo e mais forte dentro de mim...

Após tantos gemidos, beijos, mordidas, lambidas, estocadas sem fim

Quero aperta-lo com meu sexo faminto, guloso.

E ao sentir seus espasmos, seus gritos, sua lingua dentro da minha boca como num ato sexual.

Quero sentir os jatos da sua seiva, seu leite, seu gozo dentro do meu corpo...

E após saciarmos toda nossa fome...Todo nosso fogo e ardor...em orgasmos misturando nossos fluidos...

Amanhã será outro dia!

Bjs doces a todos os casais e aqueles (as) que estão sozinhos (as):

Boa Sorte!!  FELIZ DIA DOS NAMORADOS!!!

Ayesk@